, , , ,

O que esse homem descobriu no porão da casa é inacreditável

São raras as casas brasileiras que tem Porão. As mais “ricas” tem, no máximo, uma adega ou garagem subterrânea. mas conhecemos esse cômodo da casa devido aos filmes norte-americanos. Geralmente cheio de coisas antigas, aquecedores, tubulações, ou até transformado em quarto ou sala de jogos. Geralmente associados aos medos, e ao terror, certamente foi isso o que o dono desta casa sentiu ao investigar melhor sue porão.

A descoberta foi feita em 1963, na cidade de Derinkuyu, na Capadócia, Turquia. Um homem turco morava na mesma casa antiga há muitos anos, e resolveu fazer uma reforma nela. Quando reformava o porão, ele derrubou uma das paredes e descobriu um outro cômodo subterrâneo que não estava na planta da casa. Quando entraram nele, descobriram que não era somente um cômodo, e sim uma CIDADE inteira!

É a cidade subterrânea de Derinkuyu.

Já foram descobertos oito andares de cômodos. Nos níveis superiores, temos dormitórios com prensas de vinhos, mosteiros. E nos andares mais profundos foram encontrados até igrejas!
As pessoas criavam até animais domésticos nessa cidade subterrânea. Ao todo, acredita-se que mais de 20 mil pessoas moravam nesses túneis. Eles construíram um complexo sistema de ventilação para levar Oxigênio a todos os níveis.

Acredita-se, ainda, que apenas 25% de toda a cidade foi descoberta até agora.

Esse tipo de construção não é novidade na região. A Capadócia tem aproximadamente 50 cidades como essa. E muitas delas tem conexões entre si, com túneis de até 8 km de extensão.
Historiadores acreditam que essas cidades surgiram para abrigar os Cristãos das perseguições do império otomano. Essa hipótese é confirmada pelas grandes portas de pedra, que ficavam nas entradas dessas cidades subterrâneas. Portas de Pedra semelhantes são descritas ate mesmo na Bíblia, e fazem parte dos costumes do povo cristão da época.

Hoje, as cidades se tornaram atrações turísticas, que marcam a história do local e da própria humanidade!

 

Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 lugares que você precisa conhecer na Suécia

7 motivos para nunca viajar para a Índia